Curiosidades

Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do rodeio

Nossa Senhora Aparecida - Padroeira do Brasil
Conheça Nossa Senhora Aparecida, padroeira do rodeio – Crédito da Imagem: http://www.santavitoria.mg.gov.br/

No momento em que a Nossa Senhora da Conceição Aparecida chega à arena do rodeio, os competidores tiram o chapéu em sinal de respeito, pois é a hora da reza pela Santa padroeira dos peões da festa sertaneja. É o momento ideal de pedir por proteção, afinal, logo mais estarão exercendo um esporte de alto risco. Não é para qualquer um encarar de frente grandes e fortes animais que muitas vezes estão longe da docilidade. Só com a fé na Santa renovada, que é a competição de rodeio começar. A benção está dada.

A bênção é aceita por católicos e participantes boiadeiros que são de outras religiões também. O respeito sempre está em primeiro lugar. Após o momento sagrado, alguns participantes sentem a necessidade de estarem mais próximos  tocando na sua representação.

O louvor à padroeira feito dessa forma não acontece em todos os eventos de rodeio. Em algumas solenidades, por exemplo, o locutor faz a reza junto com o público. Não importa qual seja a forma de demonstração de respeito pela Nossa Senhora da Conceição Aparecida, sua importância nunca é esquecida.

Continue lendo o texto para saber mais da importância de Nossa Senhora para o mundo das festas de rodeio e para o Brasil.

Respeito traduzido em música

A famosa dupla sertaneja Gian & Giovani fez uma música chamada “Padroeira do Rodeio” como uma forma de homenagear a santa. A letra é um poema que celebra a festa de rodeio e a proteção tão requisitada pelos competidores. Confira um trecho da letra dessa canção que expressa o momento de ansiedade que antecede a entrada do peão na competição:

“Nossa Senhora abençoe esse rodeio

O peão e o tropeiro e a toda a comissão

E o locutor traz na voz a emoção

Oito segundos pro peão seguir na competição”.

Mais tarde, leia a letra toda e ouça a envolvente música.

O lendário Pedro da Santa

O Pedro da Santa, também conhecido como Pedro Andarilho, é uma figurinha lendária nas festas de peão e boiadeiro. São mais de 20 anos carregando a imagem da Nossa Senhora da Conceição Aparecida para cima e para baixo nas celebrações sertanejas por todo o País.

Sua história começa quando ele faz uma promessa de que iria distribuir lembrancinhas da Nossa Senhora se a saúde da sua mãe melhorasse. A regra é clara: pedido de promessa feito, pedido atendido e pedido cumprido. Desde então, ele tem exercido o que prometeu e colecionando histórias e fotos com celebridades do mundo country e artístico.

A importância da Nossa Senhora da Conceição Aparecida para o Brasil

A Nossa Senhora da Conceição Aparecida, que também pode ser chamada simplesmente de Nossa Senhora de Aparecida, tem um significado de protagonismo não só para os peões brasileiros, mas para toda a população católica do País, afinal também ela é considerada a padroeira da nação. São quase 300 anos desde o seu encontro, o que significa quase 3 séculos de influências em milhões de fiéis.

A história da Nossa Senhora da Conceição Aparecida

Acredita-se que em, aproximadamente, em 1717, pescadores tentavam encontrar peixes no rio Paraíba do Sul (que banha os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais) mesmo sabendo que não era época para isso. Depois de muito tentar, os incansáveis trabalhadores encontraram separadamente o corpo e a cabeça da estátua de uma estátua diferente de Nossa Senhora da Conceição. Sua representação era da mãe de Jesus Cristo. Logo eles começaram a chamar a estátua de Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Assim que a estátua foi encontrada, os pescadores passaram a ter sorte para encontrar os animais.

Atualmente, a celebração  da devoção acontece no dia 12 de outubro, considerado um feriado do calendário católico do Brasil.

Locais para homenagear a Santa

Muito importante para os seguidores da Igreja Católica, a representação da Nossa Senhora da Conceição Aparecida fica na Basílica de Nossa Senhora Aparecida, construída na cidade de Aparecida, no interior do estado de São Paulo.

A Basílica recebe milhões de fiéis ao longo de todo o ano, porém sua principal e maior movimentação acontece no feriado de 12 de outubro. Só em 2016, a previsão era de 163 mil adoradores da padroeira. Comunidades paróquias do Vale do Paraíba e da região bragantina que carregam o nova da Santa também fazem grandes celebrações nesta data.

Homenagem carnavalesca no interior de São Paulo

Em fevereiro de 2016, o desfile de escolas de samba da cidade Itú (no estado de São Paulo) contou com uma importante celebração para a festa de rodeio. A primeira participação da escola principiante “Acadêmicos da Bica” carregou o peso da importância de falar dos sertanejos por meio da música popular brasileira. Para começar com grandiosidade, o carro abre-las já apresentou a Nossa Senhora de Aparecida como a padroeira dos peões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *